O que fazer em Porto de Galinhas? Conheça esse paraíso

O que fazer em Porto de Galinhas?

Um dos pontos turísticos mais famosos do Brasil, mas o que fazer em Porto de Galinhas? Todo mundo já ouviu falar, mesmo se você não foi sabe que em algum lugar do Brasil existe o tal Porto de Galinhas e jamais foi emitido um adjetivo negativo sobre o lugar.

Mas o que há de tão interessante em Porto de Galinhas?

Se você gosta de sol, paisagens paradisíacas, certamente há muita coisa interessante nesse lugar.

Veja também:

No entanto, vamos começar lhe situando sobre o local.

Fica na região Nordeste do Brasil, serve como uma verdadeira base para explorar o litoral nordestino, pois de lá é possível visitar pontos turísticos importantes de Pernambuco e de Alagoas.

Abaixo colocamos uma lista sobre o que fazer em Porto de Galinhas e adiantamos que essa é uma viagem que será melhor aproveitada se puder ficar ao menos uma semana.

São várias atividades possíveis de fazer e muitas são suficientes para um dia inteiro.

Caso não consiga ou não tenha tempo de ficar uma semana, uma viagem para valer realmente a pena para Porto de Galinhas precisa durar uns três ou quatro dias.

O que fazer em Porto de Galinhas?

Passeios é que não vão faltar em Porto de Galinhas. Há muitas praias, passeios a pé ou em transportes bem diferentes do que estamos acostumados a ver no trânsito das grandes cidades.

Separamos um roteiro com os melhores passeios turísticos a se fazer em Porto de Galinhas.

Caso a sua viagem seja inferior a uma semana, basta seguir o roteiro excluindo os últimos itens da lista.

Mas assim que possível recomendamos muitos que vá a todos esses lugares indicados, pois são maravilhosos!

Piscinas naturais

Certamente é uma dos passeios obrigatórios de Porto de Galinhas. Se você não for é provável que ouça de um amigo metido, “Nossa, então você não foi… e blá, blá, blá”.

As piscinas naturais são tudo que a gente imagina de águas celestiais, claras, límpidas, possível de ver peixes nadando entre seus pés, cores exuberantes combinando maravilhosamente com as rochas submersas.

Há dois meios de ir até as piscinas naturais.

A pé, uma caminhada gratuita fornecida pela prefeitura de Ipojuca, que disponibiliza um guia turístico para acompanhar um grupo de turistas (é necessário pegar senha), ou ir de jangada.

A gratuidade coloca um sorriso no seu bolso, mas não é a melhor opção em termos de passeio.

Quando terá a chance de um passeio de jangada para qualquer lugar tão cedo? E não é uma viagem no Tietê, mas nas águas cristalinas desse pedaço de paraíso na Terra.

É muito mais interessante o passeio de jangada, na boa.

Detalhe que se for em época de baixa temporada – e sem ser feriado – é possível ficar dentro das piscinas por tempo limitado. Opção que não existe em altas temporadas, pois o local recebe proteção ambiental.

Passeio de Bunge

Seguindo com a nossa lista sobre o que fazer em Porto de Galinhas, o passeio de Bunge é um dos mais populares de Porto de Galinhas.

Para quem não está ligando o nome ao veículo se trata de uma espécie de jipe, aqueles que costumas ver trafegando na areia. Contudo, há alguns anos é proibido trafegar com esse tipo de veículos nas areias de Porto de Galinhas.

Isso, porém, não diminui a qualidade do passeio, pois a região é repleta de lugares paradisíacos, paisagens naturais encantadoras. O passeio de Bunge é como fazer uma city tour pelo lugar, mas fora do ônibus e com solzinho na cara.

Sem dúvida vale muito a pena.

O passeio padrão com Bunge é o chamado ponta a ponta, isto é, visita em todas as praias do Muro Alto ao Pontal de Maracaípe.

Detalhe que todos os lugares em que o Bunge trafega são possíveis de fazer sem o recurso desse tipo de veículo. O passeio é indicado principalmente para quem curte passeio com Bunge.

O que fazer em Porto de Galinhas?

Maragogi

Maragogi é uma famosa praia alagoana. Para chegar até lá de Porto de Galinhas usando carro leva uma hora e meia.

A praia é indicada par quem curtiu as piscinas litorais, pois as de Maragogi são maiores e diferentes em comparação à primeira.

É possível embarcar em lanchas ou catamarãs na própria praia. Como não tem píer no local, é preciso caminhar na água até o ponto escolhido de embarque.

É necessário marcar hora para usufruir do transporte e é recomendado que chegue com pelo menos meia hora de antecedência.

E tem um tempo de permanência, que é de uma hora e meia.

Passeio de jangada

Prosseguindo com a lista sobre o que fazer em Porto de Galinhas, essa é para quem sempre quis conhecer e passear por um manguezal.

Sempre tem jangadeiros disponíveis no Rio Maracaípe.

Depois de um tempo, iniciado a viagem com a jangada, o condutor do transporte coloca um pote de vidro na água para capturar no mangue cavalos-marinhos.

Não, os bichinhos não ficam com você e nem com ninguém.

É só o tempo de você tirar uma foto para depois serem devolvidos de onde vieram.

No fim da viagem, retornando ao pontal, dá para terminar o dia, ou começar a noite, nos barzinhos com mesas e cadeiras dentro d’água existentes no local.

Sem dúvida o horário mais disputado é o do pôr do sol.

Ilha de Santo Aleixo

É realmente uma ilha e localizada em Barra de Sirinhaém. É um paraíso tropical e natural e também selvagem.

O local é ermo e com caminhos sinuosos. Só é possível chegar até a ilha de barco.

Certamente o local renderá paisagens inesquecíveis e fotos também de fazer cair o queixo.

O caminho até a Barra de Sirinhaém leva uns 45 minutos. É preciso contratar os serviços de uma operadora de turismo da região.

No local dos escritórios, há um local de embarque com mesas, banheiros, lojas de conveniência e artesanatos.

Na hora do embarque todos seguem até a praia. O trajeto para ilha dura uns quinze minutos. O mar não é tão tranquilo, mas a viagem é tão curtinha que é difícil ter grandes problemas.

O tempo de permanência na Ilha de Santo Aleixo é de até 4 horas.

Gostou deste conteúdo sobre o que fazer em Porto de Galinhas? Então curta, compartilhe, avalie. Seu apoio faz a diferença.

Deixe seu comentário!