Moda e Beleza

As 9 mulheres pretas mais estilosas do Brasil

As mulheres pretas se sentem representadas no mundo da moda?

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 54% da população brasileira é negra. Apesar disso, o número de campanhas de moda e conteúdos voltados para a valorização da beleza e da cultura negra no Brasil ainda são pequenos.

Com uma simples olhada nas redes sociais, é fácil perceber que a participação de pessoas negras em campanhas publicitárias ainda ocorre de forma pontual.

Nas páginas que falam sobre moda e celebridades, pretos e pretas pouco aparecem.

Proporcionalmente falando, há muito mais conteúdo de todos os tipos voltados para brancos do que para negros. Estamos falando de mais da metade do país que ainda enfrenta dificuldades para se ver representada na mídia ou no mercado da moda.

Mas o fato de nem sempre serem lembrados não significa que essas pessoas não existam.

Em função desse cenário, o movimento a favor da moda inclusiva e da representatividade no setor tem crescido. Hoje, várias mulheres pretas já podem ser consideradas referências quando o assunto é moda e beleza.

As redes sociais e o trabalho de cada uma delas deu voz e rosto a milhões de brasileiras.

É até difícil selecionar apenas algumas para representar uma parcela tão grande da população.

Apesar disso, é possível criar uma lista de mulheres negras influentes que têm quebrado barreiras em vários espaços – inclusive na moda.

Conheça algumas delas abaixo.

Taís Araújo

Fonte: Instagram

O talento, o carisma e o sorriso marcante não são as únicas características que chamam a atenção em Taís Araújo.

Considerada uma das atrizes mais populares do país, além de colecionar papéis marcantes nas novelas, filmes e séries, a artista também encanta fora das telas. Ao longo dos mais de 20 anos de carreira, Taís conseguiu se tornar um exemplo de representatividade negra, engajamento social e muito estilo.

Quando o assunto é moda, ela segue uma linha mais clássica e elegante. Apesar disso, ela ama brincar com estampas e cores.

A atriz também gosta de combinar peças com diferentes tecidos e cores. Tudo isso associado a muito conforto e praticidade. Já nos acessórios, ela é bem mais versátil. Taís escolhe brincos, anéis e pulseiras de acordo com as demais peças do look.

Em geral, nos eventos ela opta por brincos grandes e chamativos, com diferentes cores e designs. Anéis de diferentes tamanhos, bem como correntes coloridas, correntes e maxi colares também são frequentemente utilizados pela artista. O resultado dessa combinação de peças valoriza seu rosto e criam looks equilibrados e cheios de personalidade.

Maju Coutinho

Fonte: Instagram

Quem nunca se perguntou o que Maju Coutinho está vestindo quando ela aparece na TV?

Os looks da jornalista fazem sucesso desde a época em que apresentava a previsão do tempo no Jornal Nacional. Suas peças de alfaiataria, macacões e silhuetas elegantes passaram a fazer ainda mais sucesso quando ela se tornou apresentadora do Jornal Hoje.

Além das peças bem cortadas, Maju também é fã da tendência color block e não tem medo de usar as cores a seu favor. Para completar o look, a jornalista também cuida das madeixas e escolhe muito bem seus acessórios.

O cabelo black ou com algum penteado está sempre impecável. Já os acessórios são discretos, mas ajudam a equilibrar o visual.

Nas orelhas, Maju geralmente utiliza argolas douradas, brincos com formatos geométricos ou com outro design discreto. Raramente é vista com colares, mas quando decide utilizá-los, escolhe maxi colares que valorizam o seu colo.

O resultado desse conjunto deu tão certo que a jornalista continua seguindo esse estilo não só à frente do Fantástico, mas também em sua vida pessoal.

Iza

Fonte: instagram

A cantora Iza é outra mulher negra que tem chamado atenção não só pela beleza, mas também pelo seu trabalho. Em 2020, ela foi eleita uma das 100 pessoas negras mais influentes do mundo numa premiação do MIPAD (Most Influential People of African Descent).

E se o que ela faz já repercute na mídia e nas redes sociais, imagina o que ela veste? Em frente às câmeras, Iza não tem medo de brincar com cores e roupas que valorizam o seu corpo e mostram a mulher poderosa que ela é.

A cantora pode ser vista usando desde um vestido curto e ousado até peças de alfaiataria bem cortadas.

O estilo color block, estampas chamativas e tecidos cheios cheio de brilho também fazem parte do guarda-roupa da artista.

E a mesma diversidade presente nas suas vestes pode ser vista em seus acessórios. Lenços, anéis, colares e brincos de todos os tamanhos e estilos podem ser usados pela cantora.

Geralmente a escolha desse acessório é feita com base no restante do look. Roupas discretas pedem acessórios mais ousados e chamativos. Por outro lado, quando o look tem muita informação, os acessórios devem ser discretos. Ou seja, ela segue o princípio do equilíbrio, tática eficiente para ressaltar a beleza de qualquer mulher.

Ludmilla

Fonte: Instagram

A cantora Ludmilla é mais uma artista que inspira multidões. Além das suas músicas contagiantes, seu estilo também chama a atenção.

A cantora se diferencia por amar looks com uma pegada esportiva e confortável. Tênis e peças de modelagem ampla traduzem sua jovialidade e alinhamento com as raízes do funk.

Nessa mesma linha, ela também aposta em peças sensuais, que podem ser utilizadas para montar looks mais despojados ou sofisticados.

Quanto aos acessórios, as escolhas são feitas para ajudar a criar a imagem que a cantora deseja transmitir.

Nos looks mais esportivos, por exemplo, ela gosta de misturar colares, utilizar correntes femininas ou maxi colares. Nesse caso, ela também pode apostar nas argolas grandes e bem chamativas, equilibrando o visual.

Já quando a roupa é mais ousada, ela investe em brincos e colares discretos ou coloca um colar com design marcante, que destaca seu colo.

O resultado dessas combinações? Looks poderosos!

Pathy Dejesus

Fonte: Instagram

A atriz Pathy Dejesus se tornou conhecida por suas atuações em novelas, séries e como apresentadora de TV.

O que muita gente não sabe é que sua relação com a mídia começou muito antes. Ela foi modelo durante 14 anos, numa época em que quase não havia mulheres pretas trabalhando no mercado da moda.

Em meados dos anos 2000, a valorização de pessoas pretas e inclusão no mercado da moda eram temas que nem mesmo eram discutidos. Pathy não só conseguiu furar a bolha do setor, como utilizou seus anos de experiência no mercado da moda para criar seu próprio estilo.

Ela consegue combinar muito bem peças de alfaiataria, vestidos de seda, macacões estampados, entre outras peças. Tudo com uma pegada sexy e sofisticada.

Com relação aos acessórios, tudo depende da produção. Quando deixa as madeixas soltas, geralmente opta por brincos discretos, deixando o cabelo emoldurar o seu rosto. Nesses casos, Pathy gosta de utilizar colares mais chamativos, com um design mais trabalhado.

Por outro lado, quando decide utilizar um coque mais elegante, ela não tem medo de utilizar brincos grandes com formatos geométricos, design delicado ou argolas.

Seguindo essas estratégias, sua imagem está sempre impecável.

Djamila Ribeiro

Fonte: Instagram

Filósofa, professora e ativista, Djamila Ribeiro se tornou uma das principais vozes do movimento feminista e antirracista no país.

Em função de sua luta, intelectualidade e domínio das palavras, ela também se tornou uma escritora de sucesso. Seus livros mais famosos, “Pequeno Manual Antirracista” e “Quem tem medo do feminismo negro?” ainda são os mais vendidos do país quando o assunto são pautas sociais.

Esse trabalho só é reforçado pela imagem de uma mulher forte e determinada, características que também se refletem no seu visual.

Ela geralmente é vista utilizando peças de alfaiataria, roupas com modelagem fluída ou peças básicas, mas elegantes. Seus acessórios também reforçam essa imagem de mulher poderosa.

Quando utiliza seus óculos de grau estilosos, geralmente opta por brincos discretos, pequenas argolas ou peças douradas e finas.

Nos demais casos, a escritora aposta em brincos e anéis com design geométrico, com pedrarias ou peças lisas e modernas.

Assim, ela consegue equilibrar seu look e preservar um visual elegante e sofisticado.

Nátaly Neri

Fonte: Instagram

Nátaly Neri é cientista social e idealizadora do canal Afro e Afins. Desde 2015, a jovem utiliza seu canal no Youtube para discutir sobre raça, gênero e sexualidade.

Além da visibilidade política desses temas, a influenciadora também aproveita seu espaço na internet para debater sobre moda consciente, sustentabilidade e veganismo.

E seu trabalho parece ter dado certo. Somente no Youtube, a influenciadora acumula mais de 700 mil seguidores, mesmo falando de temas muitas vezes considerados polêmicos ou tabus.

E suas crenças não só influenciam no próprio trabalho, mas também no seu estilo pessoal.

Uma das características mais marcantes das roupas de Nátaly é a paleta de cores. Ela dá preferência a peças com tons terrosos e neutros, podendo utilizar cores verdes mais fechadas.

Outro diferencial da influenciadora é a sua capacidade de criar sobreposições equilibradas e garimpar peças estilosas em brechós.

Tudo isso é utilizado para construir looks elegantes e despojados.

Nos acessórios, Nátaly aposta em brincos finos e/ou geométricos, colares com pedraria ou diferentes correntes, além de pulseiras modernas.

Geralmente, ela investe em itens prateados ou acessórios fabricados artesanalmente, que também ornam com seu visual.

Dessa forma, a influenciadora mostra que é possível ter estilo e personalidade com consciência e gastando pouco.

Rita Carreira

Fonte: Instagram

Com mais de 11 anos de experiência no mercado de moda, Rita Carreira é uma modelo plus size considerada uma referência de estilo e na luta por aceitação.

Em função do seu trabalho, Rita se tornou a primeira modelo plus size a estampar a capa da revista Vogue Brasil. Em 2020, ela também entrou para a famosa lista Forbes Under 30.

Com isso, a modelo conseguiu dar mais visibilidade a outras mulheres pretas plus size.

Para completar, Rita provou que é possível ser sexy, elegante e sofisticada independente de sua cor ou tamanho do seu manequim.

Suas roupas e acessórios provam esse discurso. Vestidos, peças de alfaiataria e roupas clássicas com diferentes cores e estampas marcam seu guarda-roupa.

Nos acessórios, ela investe em peças discretas em dourado, que podem ter ou não pedrarias.

Em looks mais ousados ou com roupas mais discretas, Rita aposta nos brincos grandes e bem trabalhados. Os colares também podem entrar na composição, seja como um item discreto ou na forma de correntes.

Seguindo esses princípios, suas produções estão sempre impecáveis e cheias de estilo.

Luanda Vieira

Fonte: Instagram

Apaixonada por histórias e moda, a jornalista Luanda Vieira possui um currículo impressionante.

Mesmo quem não conhece a profissional, certamente foi influenciado pelo seu trabalho. Luanda foi a primeira mulher negra a ocupar o cargo de editora de beleza e wellness da revista Vogue Brasil.

Ela também foi editora de moda da Revista Glamour e hoje cria conteúdo junto às marcas sobre moda, beleza e inclusão.

Seu trabalho e experiência no mercado da moda também influencia no seu próprio estilo. Luanda é bem versátil para montar seus looks.

Ela pode tanto utilizar um mom jeans e uma blusa branca básica, como peças coloridas. A jornalista também gosta de apostar nas estampas tribais e em peças amplas e confortáveis.

Nos acessórios, Luanda dá preferência aos brincos gigantes, com design moderno ou cheios de detalhes.

Ela também aposta nos brincos geométricos e colares de todos os tamanhos. Os piercings estão sempre presentes na produção e os óculos estilosos completam o visual.

Com isso, Luanda fecha a lista de mulheres pretas que se tornaram referência de estilo e que mostram que representatividade importa.

Post enviado por Hedgehog e QC Presentes