Ouro Preto, em MG: uma cidade histórica e cheia de belezas

Ouro Preto

Uma das principais cidades históricas do Brasil, Ouro Preto foi formada no século XVII com o nome de Vila Rica. O local fascinante nasceu em consequência do trabalho dos colonizadores, que viram uma grande oportunidade de extrair ouro neste região.

Mas o local também se desenvolveu em outras frentes, sendo, por exemplo, um dos principais locais em que se desenvolveu a arte colonial. Dessa forma, a então Vila Rica começou a contar a história da ação portuguesa de uma maneira única, sob o olhar da poesia e dos tradicionais pintores.

A atual Ouro Preto também foi berço de um dos primeiros e principais movimentos políticos do Brasil. A Inconfidência Mineira, liderada por Tiradentes, reuniu diversos pensadores importantes da época e acabou gerando uma série de mártires, envolvendo poetas, servidores públicos, padres e outros.

Reconhecimento internacional

Depois de realizada a Independência do Brasil, Ouro Preto se consolida como a capital de Minas Gerais até meados de 1897. Por sua estrutura e beleza, foi tombada como Patrimônio da Memória Nacional em 1933. A UNESCO também considerou a cidade Patrimônio Cultural da Humanidade em 1980.

Por esta série de personalidades e fatos históricos, Ouro Preto também apresenta uma série de belas histórias aos visitantes. Reunimos, além dos principais expoentes da região, locais incríveis que você pode conhecer ao visitar a cidade mineira.

Ouro Preto

Tiradentes e a Inconfidência Mineira

Filho de um fiscal de pesos e medidas, Tiradentes morava em uma propriedade respeitada na cidade. Ele não se formou dentista, mas exercia a profissão de maneira informal. Ele se tornou um profundo estudioso, pois gostava muito de ler e consumia muitas obras que vinham do exterior. Reuniu diversos conhecimentos e se tornou influente entre todos os profissionais da cidade.

O vínculo de Tiradentes com outros estudiosos que desejavam uma realidade diferente para o Brasil fez com que a Inconfidência Mineira despertasse. Mas, a princípio, não havia apoio popular, sendo apenas um movimento existente entre os estudiosos. Porém, a divulgação se fortaleceu e o grande número de pessoas que aderiram o movimento acabou fazendo com que ele se tornasse conhecido.

A monarquia acabou descobrindo detalhes sobre o movimento e executou Tiradentes em praça pública, responsabilizando-o como mentor da Inconfidência.

Aleijadinho

Esta é uma das principais referências artísticas brasileiras. Com trabalhos extraordinários produzidos entre 1755 a 1812, Aleijadinho acabou sofrendo com problemas de paralisias nos pés e nas mãos. Uma das lendas que envolvem o artista é que ele não era chamado por essa alcunha na época, sendo uma criação que emplacou após a morte.

Aleijadinho foi o responsável por obras de arte reconhecidas internacionalmente e que permaneceram na cidade, como as pinturas nas igrejas de Nossa Senhora do Carmo e o Palácio do Governo.

Antônio Francisco Lisboa era filho de um português com uma escrava e teve a paternidade reconhecida, o que foi fundamental para que ele aprendesse as técnicas posteriormente.

Locais para visitar em Ouro Preto

Ouro Preto é repleta de atrações para os turistas que se interessam pela história do Brasil. Selecionamos os locais mais importantes para que você possa curtir o patrimônio cultural da cidade mineira.

Igreja de São Francisco de Assis

Considerado um dos principais trabalhos de Aleijadinho, a igreja também contou com o mestre Athaíde para a realização de toda a composição. Mas os trabalhos foram separados. O grande artista mineiro cuidou do lavabo da sacristia e da fachada, realizando um trabalho detalhista.

O forro da igreja foi concluído nos 10 anos seguintes, pois Athaíde precisou de bastante tempo para finaliza-lo. A textura simula uma visualização do céu, tornando o cenário extremamente bonito.

Ouro Preto

Igreja Nossa Senhora do Carmo

Com um estilo diferenciado, o local tem um trabalho em estilo apontado pelos especialistas como o rococó (que consiste em não ser extremamente carregado de ouro, mesmo seguindo os preceitos do barroco).

A igreja aparece logo após uma escadaria, que também foi projetada pelo pai de Aleijadinho. O famoso arquiteto Manuel Francisco Lisboa realizou todo o trabalho estrutural, o que gerou um resultado diferenciado. Mestre Athaíde esteve presente na pintura.

Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar

Este local é uma das grandes referências do movimento artístico barroco no Brasil. Esta Matriz possui muito ouro na cobertura dos altares. Estima-se que, na época, a monarquia se utilizou de cerca de 400 quilos para concluir a construção.

Mas há uma riqueza de detalhes altamente diferenciada no espaço. São seis altares distintos, que representam todas as etapas do movimento artístico. Você também pode visitar o Museu de Arte Sacra, mas será necessário acessar o subsolo.

Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos

Destaque pela fachada arredondada, esta igreja é totalmente diferente das outras construções de igrejas na cidade. Não há registro de quem escolheu este formato. Todos os altares foram desenhados e dedicados aos santos negros, cercados de um ambiente extremamente simples e histórico.

Igreja Santa Efigênia

Por estar presente no alto de uma escadaria, o local também é muito indicado para quem quer ter uma visão diferenciada da cidade. São várias as pinturas no teto da igreja, com destaque para os santos negros (não era comum, no século XVIII, que as igrejas exibissem estes símbolos).

Museu da Inconfidência

Este é o principal ponto turístico para quem deseja estudar detalhes sobre a história da antiga Vila Rica e da atual Ouro Preto.

Localizado na Praça Tiradentes, o local conta com 16 salas de exposição. Há um espaço em que você pode visitar os restos mortais dos 16 executados por conta da Inconfidência. Mas também existe uma exibição de arte sacra, além de pertences de Tiradentes.

Museu do Oratório

Neste local, você confere uma série de oratórios utilizados desde a fundação da cidade.

Há uma grande divergência entre eles, pois há os modelos mais sofisticados em contraste com os utilizados pelos moradores mais simples. Há uma série de artesanatos diferentes, alguns idealizados pelo próprio Aleijadinho.

Igreja Nossa Senhora da Conceição

Um dos locais que passam por processos constantes de restauração, a igreja está fechada para visitantes em determinados períodos. Ela foi construída em 1746 e conta com oito andares.

A obra também é assinada pelo pai de Aleijadinho, Manoel Francisco Lisboa. O curioso é que, lá, você pode visitar o túmulo dos dois.

Considerações finais

Gostou das dicas sobre Ouro Preto? É hora de visitar esta cidade histórica e viver experiências incríveis, principalmente sobre o aprendizado que o local traz.

Deixe seu comentário!